Forwarded from apertode
Há pouco, estreou sem muito barulho no Netflix um documentário chamado “The Family”. É um trabalho do produtor responsável por “Enron: The Smartest Guys in the Room”, um documentário da década passada sobre os abusos da financeirização e da corrupção entre mercado e Estado – hoje, o filme é considerado uma das grandes investigações recentes sobre o tema.

O assunto do “The Family” é a rede que, na Guerra Fria, foi organizada pela direita conservadora dos EUA para articular interesses de conservadores cristãos, capitalistas e operadores da política. O objetivo, no geral, é o de viabilizar uma guinada radical à direita no cenário doméstico e internacional.

O documentário do Netflix tem a ver com a nova série da Pública sobre os canais de lobby internacional estruturados por alguns grupos cristãos associados à direita dos EUA. Na minha opinião, isso explica um tanto melhor o que vem rolando ao Sul do continente do que as teorias sobre Bannon e Cambridge Analytica.

https://apublica.org/especial/transnacionais-da-fe/